TV Jaguar

Postado em 13/07/2021 às 17:40:00

compartilhar

Limoeiro do Norte, no Ceará, vai aplicar a vacina Sputnik V como parte de estudo.

Limoeiro do Norte, no Ceará, vai aplicar a vacina Sputnik V como parte de estudo.

Cidade foi escolhida para facilitar as medidas de controle e supervisão dos efeitos, conforme orientação da Anvisa.

A cidade de Limoeiro do Norte, a 201 km de Fortaleza, será uma das primeiras cidades a aplicar a vacina Sputnik V no Ceará, com a imunização monitorada em estudo. O secretário da Saúde, Dr. Cabeto, informou na manhã desta terça-feira (13), que uma cidade em cada uma das regiões cearenses vão receber a vacina russa.

"Vamos recalcular porque cada semana muda, o número de pessoas necessárias para fechar 100% da vacinação do município. Em Limoeiro vai acontecer um estudo, de efetividade. E nos outros municípios que vamos aplicar, vamos aplicar para finalizar a vacinação em cada um desses municípios. Tenho a impressão que são mais quatro municípios além de Limoeiro. Um em cada região do Ceará", disse o secretário da Saúde do Estado, Dr. Cabeto.

Ceará fez acordo para comprar 5 milhões de doses da Sputnik V, mas só pode aplicar 183 mil; entenda
Na última sexta-feira (9), durante anúncio do novo decreto, o governador Camilo Santana afirmou que as doses do imunizante chegarão ao Estado "nos próximos dias".Anvisa aprova, com restrições, importação excepcional de doses da Covaxin e Sputnik V.

A previsão do Consórcio Nordeste é que o lote da primeira remessa de 190 mil doses desembarque no Brasil esta semana. Apesar de aquirir 5,5 milhões de doses da Sputnik V, o Ceará só poderá fazer a importação de 183 mil unidades, ou seja, duas doses em 91,5 mil pessoas (1% da população cearense). Conforme a Anvisa, a restrição é para facilitar as medidas de controle e supervisão dos efeitos.

 

Limoeiro do Norte foi escolhida pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) para receber as doses do imunizante para atender as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que orienta que os Estados que adquiriram a Sputnik usem a vacina em cidades pré-definidas, para facilitar as medidas de controle e supervisão dos efeitos.

Os 17 estados que já tiveram autorização da Anvisa para comprar o imunizante estão à procura de uma empresa para fazer o transporte da vacina. Segundo o Consórcio do Nordeste, a previsão é que as doses cheguem no aeroporto do Recife. Só depois de ter esse serviço de logística organizado, é que a Sputnik pode vir para o Brasil.

Antes da vacina ser distribuída para a população, ela precisa passar pela análise do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). "Essas doses, elas vão passar por um critério de primeira e segunda dose acompanhado, exatamente monitorado como está no termo, um termo que estamos aqui celebrando com a Anvisa", disse Wellington Dias, coordenador da Vacina no Fórum de Governadores.

Atualmente o Ceará está vacinando a população em geral por idade, em ordem decrescente. A Sesa conta com as doses da Sputnik V para dar andamento a vacinação e imunizar 100% da população do Ceará até o fim de agosto.

CONTEÚDO: G1

 

 

 

Fonte: TV Jaguar/G1

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também