TV Jaguar

Postado em 20/12/2016 às 16:00:00

compartilhar

VIº. Reviver do ECC Diocesano o Jubileu de prata do encontro de casais com Cristo

VIº. Reviver do ECC Diocesano o Jubileu de prata do encontro de casais com Cristo

OS MAIS DE SEISCENTOS (600) CASAIS de deze (10) Paróquias reunidos hoje, 18 de dezembro de 2016, nas quadras do Colégio diocesano de Limoeiro do Norte-CE, celebraram o VI REVIVER DO ECC - Encontro de Casais com Cristo da Diocese jaguaribana. ECC é um SERVIÇO-ESCOLA PARA EVANGELIZAR a família, Igreja doméstica, santuário da vida. Apesar das idolatrias do mundo sem Deus infiltradas em nossos lares, esses casais sentiram um dia, nestes últimos 25 anos, o desejo da samaritana do evangelho. Essa mulher de cinco maridos, ao ir buscar água para matar a sede do corpo, descobriu o poço da água, que mata a sede de amor do coração em seu ENCONTRO COM CRISTO. E foi esse ECC que fez da samaritana a primeira missionária do evangelho cristão na sua vila da Samaria.

"No Brasil, o ECC surgiu por iniciativa do Padre Alfonso Pastore, em 1970, na Paróquia de Nossa Senhora do Rosário, na Vila Pompéia (SP). Em nossa Diocese, realizou-se o 1º ECC no ano de 1991, na Paróquia da Imaculada Conceição de Limoeiro do Norte. Ele foi implantado por 08 casais, a saber: Alzir e Mazé, Lasmar e Lenita, Antônio Carlos e Sueli, Bosco e Vilma, Wiliam e Célia, Maiard e Socorro, Aragaci e Velma, Bartolomeu (em memória) e Edi, juntamente com o diretor espiritual Monsenhor João Olímpio Castello Branco, tendo como Bispo diocesano, Dom Pompeu Bezerra Bessa" (Raildene - Coordenadora diocesana até 2016).

O ECC foi implantado na Diocese a começar pela Paróquia da Catedral nos dias 09, 10 e 11 de agosto de 1991, contando com a participação de quarenta e dois (42) casais, sendo Pároco o Bispo Dom Pompeu. Já foram realizados na referida Paróquia sede vinte e hum (21) encontros, nos quais, ao longo desses vinte e cinco (25) anos, vivenciaram o ENCONTRO COM CRISTO seiscentos e cinqüenta e hum (651) casais.

A implantação contou com o amadrinhamento da Paróquia de São Gerardo Majela da Arquidiocese de Fortaleza-CE. O encontro foi coordenado pelo CASAL REGIONAL DO ECC, Ritinha e Amorim, que honraram com suas presenças as festas jubilares do ECC DIOCESANO. É de justiça reportar que Maria José Gurgel - MAZÉ (Oliveira Olímpio e prima legítima do Mons. João Olímpio Oliveira) e Alzir Penaforte, juntamente com EDI do finado Bartolomeu deslancharam a fundação, descobrindo a dedo os CASAIS ECECISTAS acima elencados exigidos para a instalação paroquial e diocesana.

"Gostaríamos de convidar Monsenhor João Olímpio e esses casais que não mediram esforços para implantarem o ECC em nossa Diocese a serem homenageados com carinho e gratidão, pois, se hoje somos uma grande família, devemos a eles" (Gilson - Coordenador diocesano até 2016 - entregou a cada um dos homenageados presentes um lindo estojo com placa metálica gravada com palavras de gratidão).

O MOMENTO DE FORMAÇÃO DO ENCONTRO sobre o tema jubilar: "SE NÃO FOI PARA IR PARA O CÉU, NÃO VALE A PENA VIVER" foi confiado ao Padre Monte Alverne Queiroz Fraga, Pároco de Nossa Senhora das Brotas - Tabuleiro do Norte, "e tem encantado a todos por onde passa com suas pregações". Sublinhei a frase que testemunha o meu abraço de louvor ao meu antigo coroinha na Catedral, querido afilhado da Confirmação do Batismo pela Crisma e colega exemplar nesta Diocese. Após esta biblicamente profunda palestra de fundamentação do tema, houve três quartos de hora de ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO, presidida pelo Padre Francisco Ivanildo da Silva, Pároco do Riacho Santa Rosa, distrito de Morada Nova.

A CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA do 4º Domingo do Advento foi presidida com homilia pelo Bispo diocesano, Dom José Haring OFM e concelebrada pelos Padres Carmo Henrique de Mocellin, SJ, Pároco de Russas, Roberto Ferreira Rodrigues, Pároco de São João do Jaguaribe e Mons. João Olímpio Castello Branco, Pároco da Comunhão de 15 Comunidades paroquiais, com Sede e matriz em Flores - Russas - CE.

COMO CONCLUSÃO desta reportagem sobre o REVIVER do ECC, celebrando seu jubileu de 25 anos, em Limoeiro do Norte, a terra de minha mãe Antônia (Oliveira) Olímpia de Freitas, quero agradecer a Deus os 25 anos de MEU PRÓPRIO REVIVER. Como assim, Padre João? É que em 1961, EU RENASCI DE VERDADE pela cura de uma profunda depressão, que durou quase dois anos. HÁ 25 ANOS, eu estava certo que iria morrer. Mas, graças ao Deus AMOR, Deus da vida, pela poderosa intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, e graças às orações da minha família e dos amigos da Diocese, da Paróquia e do estrangeiro, hoje, na CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA do Jubileu do ECC, eu AGRADECI o meu próprio REVIVER. E VIVA A VIDA A SERVIÇO DE MAIS E MELHOR VIDA PARA MIM, MINHA FAMÍLIA, MEUS AMIGOS E IRMÃOS NA FÉ, NA ESPERANÇA E NA CARIDADE.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Monsenhor João Olímpio Castelo Branco

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também