TV Jaguar

Postado em 28/12/2016 às 08:00:00

compartilhar

Decadência do Hospital Regional levou Hospital de Quixeré à referenciar atendimentos até regionais.

Decadência do Hospital Regional levou Hospital de Quixeré à referenciar atendimentos até regionais.

Com recursos bancados pelo Governo do Estado e do SUS para atender aos 11 municípios que compõem a 10ª regional de saúde, o Hospital Regional de Limoeiro do Norte entrou em profunda decadência nos últimos quatro anos, provocando assim, grandes prejuízos para os municípios considerados como sendo de pequeno porte e que dependem do atendimento do hospital polo da cidade de Limoeiro do Norte. Preocupado com a real situação, o prefeito de Quixeré Raimundo Bessa, a partir da gestão do secretário de saúde do município, Urânio Nogueira, passou a investir com mais afinco no Hospital Municipal Joaquim Manuel de Oliveira.

Atualmente, o hospital municipal de Quixeré tem como diretora geral a Sra. Sônia Lima, que em entrevista à Tv Jaguar, fez um breve relato da situação do hospital Joaquim Manuel de Oliveira, em consequência da situação também vivenciada pelo Hospital Regional Dr. Deoclécio Lima Verde.

Sônia Lima assumiu a direção do hospital no início da primeira gestão do prefeito Bessa, e afirmou que inicialmente, tudo transcorria muito bem. Porém, com o passar do tempo, as coisas foram ficando difíceis. 

Segundo a diretora, os problemas começaram com a parte de cirurgias, quando o Hospital Regional Dr Deoclécio Lima Verde em Limoeiro passou a não receber mais os pacientes encaminhados. Em seguida, o hospital polo passou a não receber os pacientes de trauma. Sônia salientou que teve de participar de algumas reuniões envolvendo a então Secretária de Saúde do município polo e representantes da Secretaria de Saúde do Estado, onde várias propostas foram apresentadas, porém, sem sucesso.

A diretora fez questão salientar que a situação piorou ainda mais quando, os pacientes em estado grave passaram a ser encaminhados para o hospital de Quixeré, em virtude de o hospital polo e a maioria dos demais hospitais da região não estarem disponibilizando médicos plantonistas. Segundo a Sônia Lima, mesmo diante das dificuldades enfrentadas, o hospital municipal de Quixeré tem disponibilizado diariamente, uma escala fechada com profissionais da área da saúde.

Quanto aos atendimentos no hospital filantrópico São Camilo, também de Limoeiro do Norte, Sônia Lima avalizou de forma satisfatória. A falta de ambulâncias nos hospitais de Limoeiro do Norte também é um problema seríssimo, segundo informações da diretora, por várias vezes Quixeré teve que socorrer o município em transferências de pacientes em estado de saúde gravíssimo.

Para a nova gestão do prefeito Bessa, a diretora afirma que já foram traçadas algumas metas, com vistas à melhoria da qualidade do atendimento no hospital municipal Joaquim Manuel de Oliveira. Como exemplo dessas ações de planejamento estão a aquisição de novas ambulâncias e transporte sanitário para pacientes que vão para Fortaleza, dentre outras.

Sônia Lima disse que torce para que o novo prefeito de Limoeiro do Norte consiga colocar as coisas nos eixos para que a qualidade do atendimento no hospital polo de Limoeiro também possa melhorar. Concluiu.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Nilo Leite

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também