TV Jaguar

Postado em 04/01/2017 às 05:00:00

compartilhar

Chuva banha sete cidades no Norte do Ceará

Chuva banha sete cidades no Norte do Ceará

Após alguns dias com o céu nublado e uma presença cada vez maior de nuvens densas, os moradores de Martinópole, no Norte do Ceará, comemoraram a chuva que banhou o município na tarde de segunda-feira (2) e na terça (3). Mais intensa na sede, a água caiu entre às 14h e as 16h, forte e com rajadas de vento, que se estenderam até o fim da tarde, para alegria de Verilene Moreira de Lima.

A servidora pública não perdeu tempo e correu para a janela para apreciar o fenômeno natural, que aos poucos parece voltar a fazer parte do cotidiano, não apenas das pessoas na Zona Norte, mas em boa parte do Estado. "Eu acredito que já é o inverno chegando. O pessoal que tem roçado aqui, já está de prontidão para começar a plantar. Se Deus quiser teremos uma boa época de chuva esse ano", espera

O fotógrafo Manuel de Lima também não se conteve e correu para a porta de casa para apreciar a tão esperada chuva de janeiro.

"A água caiu mais na sede, mas alguns distritos também foram banhados", disse. Segundo os dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) entre as 7h de segunda e as 7h de ontem choveu em 14 municípios do Estado, sendo a maior precipitação a de Martinópole (70.0mm), seguida por Granja (57.8 mm) e Uruoca (41.0). Das dez maiores chuvas, sete são da região Norte.

A chuva também caiu em Sobral, no início da tarde ontem, forte e rápida, mas em pontos isolados, tanto nos distritos quanto na sede do Município, para logo voltar o calor.

Segundo o satélite meteorológico, há nuvens sobre o Ceará em virtude da formação de áreas de instabilidade atmosférica que se formam sobre o Oceano Atlântico e se deslocam em direção ao continente, o que aponta uma previsão de nebulosidade variável com possibilidade de chuvas isoladas em todas as regiões, nesta quarta-feira (4).

Prognóstico

Segundo os meteorologistas da Funceme, as chuvas que têm se manifestado nesse início de ano são comuns ao mês de janeiro. Isso se dá pela atuação de um vórtice ciclônico de altos níveis, comum à região Nordeste neste período do ano.

Somado a isso, as chamadas chuvas de pré-estação também se devem à proximidade entre áreas de instabilidade oceânicas que se deslocam em direção ao Continente.

A possibilidade é de chuva em todas as regiões do Estado, até a próxima sexta-feira (6). No dia dezoito deste mês, a Fundação deverá divulgar o primeiro prognóstico oficial da quadra chuvosa do Ceará, com expectativa para os primeiros quatro meses do ano.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Diário do Nordeste

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também