TV Jaguar

Postado em 18/12/2017 às 08:00:00

compartilhar

Rose Meyre enaltece o trabalho do Lar Amigos de Jesus no acolhimento de crianças com câncer

Rose Meyre enaltece o trabalho do Lar Amigos de Jesus no acolhimento de crianças com câncer

Vereadora Rose Mayre, ao iniciar seu pronunciamento, acolheu a todos, reconheceu a sensibilidade do prefeito Vanderley Nogueira que mesmo diante das dificuldades financeiras enfrentadas pelo município, está atendendo a reivindicação do servidor público quanto ao ajuste salarial, em seguida socializou quem esteve juntamente com a colega também vereadora Raquel Girão em Fortaleza, visitando o Lar Amigos de Jesus, que acolhe famílias com crianças em tratamento do câncer, que residem no interior e preciso deslocar-se para a capital periodicamente para os procedimentos, conheceu a religiosa responsável pelo abrigo e assegurou o quanto é gratificante encontrar pessoas dispostas a servir, Rose reproduziu a fala da irmã Conceição: “Eu não preciso de muita coisa, preciso apenas de uma roupa pra vestir, o mais é dedicar meu tempo a servir,” disse a vereadora. Prosseguiu, “quero pedir que esta casa preste homenagem a esta instituição que trata de crianças com câncer”.

Segundo afirmou, “antes o espaço era bastante limitado e foi uma pessoa que tem muito dinheiro que convidou a irmã para fazer um jantar no restaurante Pai D égua, a irmã disse que no começo estava estranhando o nome do restaurante, mas ao chegar lá tinha vários arquitetos que fizeram projetos de cada um dos quartos com muito esmero. “O abrigo se mantém praticamente com doações de pessoas caridosas, mesmo diante de todo sofrimento, prevalece a alegria”. Rose Mayre bastante emocionada propôs que neste Natal sejamos mais amáveis, que as festas tenham menos bebida, menos comida e mais gesto de solidariedade, “viva a realidade, vamos lá na rua Idelfonso Albano conhecer aquele espaço de amor que hoje recebi 41 crianças e seus familiares, inclusive criança de outros estados que fazem tratamento de Câncer no Hospital Alberto Sabin e tenho certeza que se recebesse apoio do estado ou da União, poderia atender ao invés de receber 41, seria 400.

“Quando estávamos lá a Raquel recebeu a notícia que uma aluna da escola que ela ensina de apenas 10 anos havia acabado de morrer de câncer e isso nos deixou bastante comovidas, precisamos tirar um tempinho para visitar esses lugares, onde, pessoas enfrentam grandes problemas de saúde e muitas vezes precisam apenas ouvir uma palavra de carinho, um incentivo e isso já bastam,” finalizou.

 

 

Fonte: TV Jaguar/ Marfreitas

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também