TV Jaguar

Postado em 05/01/2018 às 16:00:00

compartilhar

Morada Nova: Prefeito WN no canto da "parede" Professores sem salário vestiram preto em caminhada fúnebre pelas ruas da terra do Vaqueiro

Morada Nova: Prefeito WN no canto da "parede" Professores sem salário vestiram preto em caminhada fúnebre pelas ruas da terra do Vaqueiro

A Saga do Servidor Público Municipal de Morada Nova parece não ter fim, precisamente em janeiro de 2017, quando Vanderley Nogueira assumiu a prefeitura, a folha de dezembro (2016), estava em aberto, por essa razão, o Sindicato do Servidor Público Municipal de Morada Nova – SINDSEP articulou reuniões com o novo gestor, pleiteando receber o mês supracitado, todavia, naquele momento Vanderley Nogueira, assegurou que não podia pagar o referido mês com dinheiro do FUNDEB 2017, visto que a Lei não permitira, efetuar pagamento de exercício anterior, assim, propôs dividir o mês de dezembro de 2016 em 10 parcelas, onde, cada parcela seria paga junto com o mês vigente durante o ano de 2017.

Acordo fechado... A gestão Vanderley Nogueira fluiu enfrentando as dificuldades que é do conhecimento de todo morada novense, bem como, dos que acompanham a gestão, o que não se esperava, é que, justamente um ano depois, ou seja, em janeiro de 2018, os professores teriam que novamente realizar mobilizações com o mesmo propósito, (receber o mês de dezembro), dessa feita, porém, não mais de 2016, mas, sim de 2017, que a gestão WN deixou de pagar depois de assumir que pagaria até o dia 30 de dezembro de 2017, conforme nota oficial publicada na imprensa.

Paradoxalmente em janeiro de 2017 o prefeito assegurou que não podera pagar o mês de dezembro de 2016 com o FUNDEB de 2017, todavia, agora em janeiro de 2018, o prefeito publicou uma nota, assegurando que pagaria o mês de dezembro de 2017 com recurso do FUNDEB de 2018, fica aí o questionamento: Se em janeiro de 2017 era ilegal pagar dezembro de 2016, com o referido recurso, porque, que agora em janeiro de 2018 o mesmo gestor admite realizar o pagamento de dezembro de 2017 com recurso da parcela do FUNDEB 2018?

Depois da marcha fúnebre, assim escreveu a professora Jorgiane Pimentel:

“Informo que durante o manifesto de hoje (4), fomos recebidos pelo secretário de finanças Mâncio, secretária de articulação institucional Ana Cristina, controlador do município professor Vinício e secretária de saúde Luciana Almeida e chegamos ao seguinte acordo: A prefeitura realizará o pagamento de dezembro de 2017 dos 60% até 10 /01/18, janeiro de 2018 até o quinto dia útil de fevereiro de 2018 e apresentará o calendário de pagamento de 2018 dos servidores públicos até o último dia útil de janeiro de 2018. Ficou deliberado na assembleia que, caso a prefeitura não realize os pagamentos conforme as datas acordadas e a implantação das vantagens devidas aos professores ( piso salarial do magistério, mudança de referência e 1/6 de férias junto ao pagamento do mês de janeiro de 2018), os professores paralisam suas atividades”. Professora Jorgiane Pimentel, presidenta do Sindicato dos servidores públicos municipal de Marada Nova - SINDSEP

Fica o espaço em aberto, para quem habilidosamente, conhecedor da dinâmica de aplicação de recursos públicos, possa trazer esclarecimentos à sociedade a luz da legalidade. Tenho dito.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Marfreitas

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também