TV Jaguar

Postado em 06/02/2018 às 07:00:00

compartilhar

Descumprimento a Lei: Comunidade denúncia práticas ilícitas no extinto Lixão de Flores

Descumprimento a Lei: Comunidade denúncia práticas ilícitas no extinto Lixão de Flores

A reportagem da TV Jaguar foi chamada pela comunidade, até a localidade de Flores, distrito da cidade de Russas, onde a mesma reclama o descumprimento do decreto de lei municipal, que acabou com o lixão na comunidade, e proíbe a colocação de lixo de todos os tipos, no terreno em questão, uma vez que a área não é mas deposito de lixo como foi até poucos anos.

Para conferir a denúncia nossa reportagem foi até o local, e pode constatar que realmente as pessoas continuam colocando lixo residencial e comercial, ramos de arvores, material de construção e animais mortos no terreno onde funcionou o antigo deposita de lixo de Flores e comunidades vizinhas.


Segundo as pessoas que residem próximo ao antigo lixão, mesmo em menores proporções, mas ainda é comum se encontrar pessoas com carroças deixando sacos de lixo e outros rejeitos na área, sendo que a queima desse lixo bem como dos ramos de árvores vem incomodando bastante as famílias.

Extinto a poucos anos, o fechamento do lixão de Flores foi uma luta da comunidade em geral, apoiada por entidades da classe como Cáritas diocesana e Comitê de Defesa do Meio Ambiente em Flores (COMDEMAF), dentre outras, sempre levando ao conhecimento da sociedade atrás da TV Jaguar que se aliou a comunidade nessa luta.


Localizado por traz do cemitério de Flores, o terreno é cortado por uma estrada que liga a sede do distrito a comunidade de Miguel Pereira, o que facilita a entrada e saída de pessoas e veículos bem como o transporte de lixo e entulho, desrespeitando o que está escrito na placa de entrada da estrada, explicando que naquele local não se deve mais colocar qualquer tipo de rejeito. Ouvindo as pessoas, elas pedem tão somente que a prefeitura municipal de Russas, intensifique a fiscalização no local através do setor responsável, que coíba a prática criminosa de colocar lixo no meio ambiente, e dê aquela pequena parte da comunidade o direito de criar seus filhos sem inalar o mau cheiro do lixo e respirar a fumaça tóxica da queima discriminada.

 

 

Fonte: TV Jaguar/ Arnaldo Freitas

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também