TV Jaguar

Postado em 06/03/2018 às 10:00:00

compartilhar

SDET de Jaguaribe participou do II Fórum de Turismo do Vale do Jaguaribare

SDET de Jaguaribe participou do II Fórum de Turismo do Vale do Jaguaribare

Esta cidade, localizada no entorno do Açude Castanhão, o maior do Ceará, apresenta forte potencial de atrativo turismo no sertão cearense: proximidade com a Capital, promoção de eventos esportivos de trilhas, pesca e competições náuticas, além da gastronomia do pescado - Tilápia e tucunaré. Para discutir essa temática, o município promoveu o Fórum de Turismo do Vale do Jaguaribe.

O evento foi realizado na manhã de ontem (1º), no auditório da Prefeitura de Jaguaribara. A programação começou a partir das 9 horas, incluiu a eleição do regional de Turismo, uma palestra do Sebrae, e ainda um city tour pelos principais pontos da cidade e da barragem: museu, igreja matriz, centro de arte, Dnocs e a narrativa da história da mudança da antiga cidade que foi encoberta pelas águas para a nova, planejada.

A região do Vale do Jaguaribe inclui 16 municípios; em nove deles há secretarias ou departamentos de Turismo na rede municipal. O objetivo do evento foi discutir políticas públicas e estratégias para desenvolver o setor nos municípios, ofertando estrutura e serviço de qualidade.

O evento foi realizado na manhã dessa quinta-feira (1º), no auditório da Prefeitura de Jaguaribara (Foto: Genésio Oliveira). "Precisamos elencar prioridades, identificar a potencialidade de cada município, fazer um trabalho planejado, compartilhado, a partir de um calendário de eventos", frisou a articuladora do Sebrae, Wandrey Pires. "O encontro buscou também sensibilizar os empresários, donos de pousadas, restaurantes para uma nova postura, ofertar serviço dequalidade".

A crise hídrica e financeira que castiga o Ceará trouxe dificuldades para a economia nos municípios. No caso particular de Jaguaribara, houve um maior problema porque as atividades locais têm forte dependência do açude Castanhão, que acumula apenas 2,45%.

"A barragem seca provocou uma queda de aproximadamente 85% no número de visitantes", observa a secretária de Desenvolvimento Econômico, Aquicultura e Pesca de Jaguaribara, Lívia Barreto.

O esforço do Município de Jaguaribara é manter as ações ativas e melhorar a oferta dos serviços. "Os restaurantes podem oferecer música ao vivo nos fins de semana, as pousadas que integram a cadeia do turismo podem ofertar descontos para grupos de visitantes e esportistas", disse Lívia Barreto.

Grupos de colecionadores, desportistas de pesca, esportes aquáticos, visitantes que fazem passeios de barco costumam visitar Jaguaribara. "Nesse período em que o açude encontra-se seco há aqueles que querem conhecer a história, fazer fotos", disse Lívia Barreto. "Sempre recebemos grupos de Fortaleza, alunos. Realizamos aulas de campo sobre a antiga e a nova Jaguaribara, as suas histórias".

Fortalecimento

O Fórum na região tem por finalidade fortalecer as atividades do setor. "Propomos mapear os pontos turísticos, definir rotas a partir da integração das cidades", pontuou Wandrey Pires. "Cada município tem a sua vocação, a sua história, os eventos religiosos, a culinária".

A presidência do Fórum ficou com a secretária de Desenvolvimento Econômico, Aquicultura e Pesca de Jaguaribara, Lívia Barreto. A vice-presidência será ocupada por Germano Maia, diretor de Turismo de Limoeiro e a secretaria executiva, por Romário Soares, assessor técnico da secretaria de Turismo de Jaguaribe.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Diário do Nordeste

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também