TV Jaguar

Postado em 23/08/2019 às 16:00:00

compartilhar

Projeto de Indicação do Vereador Paxá sugere a inclusão do mel de abelha no cardápio da merenda escolar.

Projeto de Indicação do Vereador Paxá sugere a inclusão do mel de abelha no cardápio da merenda escolar.

Na quinta-feira (22), o vereador Darlyson Moura (Paxá) usou a tribuna da Câmara municipal de Limoeiro, de onde fez a apresentação da propositura. Em seu argumento, a inclusão do mel de abelha no cardápio da merenda das escolas públicas municipais tem o objetivo de contribuir para que as crianças da rede pública possam ter na sua alimentação um cardápio com grande valor nutricional e de forma saudável.

Paxá avaliou ainda que, a inclusão do mel de abelha na merenda escolar também proporcionará um certo alavancamento no setor produtivo do município, possibilitando assim a valorização dos pequenos produtores que serão de fundamental importância para o processo de geração de emprego e renda, já que os produtores de mel da região terão os seus produtos comercializados dentro do próprio município gerando dessa forma, mais receita para a cidade.

 

O vereador José Arimatéia de Brito também fez uso do espaço na tribuna da Câmara municipal de Limoeiro do Norte. Em seu pronunciamento, o parlamentar reconheceu os importantes serviços que têm sido postos em prática pela gestão do prefeito Zé Maria, mas cobrou a pavimentação da comunidade de Ilha de Santa Terezinha, em especial, no trecho que dá acesso ao matadouro público de Limoeiro do Norte.

Arimatéia deixou claro que é reconhecedor das ações da administração do Dr. Zé Maria, mas o calçamento da comunidade de Ilha de Santa Terezinha ele não dispensa e vai continuar cobrando até que a reivindicação dos moradores da referida comunidade seja atendida. Ele aproveitou ainda para reivindicar do poder público municipal a conclusão do projeto de saneamento básico.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Nilo Leite

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também