TV Jaguar

Postado em 02/12/2019 às 06:00:00

compartilhar

Audiência Pública discutiu o pagamento de precatórios para os professores do município de Limoeiro do Norte.

Audiência Pública discutiu o pagamento de precatórios para os professores do município de Limoeiro do Norte.

A devida audiência pública foi realizada por iniciativa da comissão de educação, cultura e desporto, que tem como presidente o vereador José Valdir da Silva (Valdir do Suburbão). O encontro contou com a presença de representantes do SINTSEM, da comissão Pró-Precatórios, bem como do secretário de finanças do município que na oportunidade representou o chefe do executivo limoeirense, José Maria Lucena, que teve como objetivo principal, encontrar e discutir meios legais que viabilizem o pagamento dos precatórios do FUNDEF para a categoria de professores do município de Limoeiro do Norte.

Na oportunidade, a representação do SINTSEM fez um relato sobre o encontro e realização de um encontro com o procurador público da cidade de Baixio, cujo município já efetuou o pagamento do benefício referente aos 60% do FUNDEF para os professores municipais.



Já o secretário Jerrivan Filho fez a explanação sobre o posicionamento do prefeito municipal sobre assunto, e ressaltou que o mesmo nunca expressou nenhum sentimento contrário ao repasse do benefício para a categoria. Porém, ele tem aguardado a decisão judicial como forma de se precaver contra possíveis ações de improbidade administrativa

Jerrivan aproveitou o ensejo para firmar o compromisso de agendar uma nova reunião, com a presença do prefeito municipal, comissão dos professores e representantes da câmara municipal, para que haja nova rodada de negociação, visando com isso encontrar novos rumos para que de forma legal seja efetuado o pagamento dos precatórios para os professores.

 

 

 

Fonte: Tv Jaguar/Nilo Leite

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também