TV Jaguar

Postado em 18/02/2020 às 17:30:00

compartilhar

Movimentos sociais realizam a X Semana Zé Maria do Tomé, com o Tema: Zé Maria do Tomé vive! A luta continua e a resistência se faz vida!

Movimentos sociais realizam a X Semana Zé Maria do Tomé, com o Tema: Zé Maria do Tomé vive! A luta continua e a resistência se faz vida!

Realizada de 21 a 24 de abril de 2020, a X Semana ZÉ Maria do Tomé,  tem o objetivo principal: Resgatar as principais lutas e conquistas em dez anos de Semana Zé Maria e de Movimento 21, focando na questão da resistência e do direito à vida, que passa pelo direito à terra, água, território, ambiente, educação e saúde. Ao fazer isso, procurar evidenciar o legado de luta semeado por Zé Maria do Tomé.

Dia 21 (terça-feira): Tarde: Romaria da Chapada do Apodi. Tema: O povo em marcha por justiça e pelo direito à resistência. Local: Chapada do Apodi/Tomé. Saída às 16 horas, e Noite: Celebração Eucarística na Comunidade do Tomé – Capela de Nossa Senhora de Fátima.

Dia 22 (quarta-feira): Manhã: Feira Cultural da Agricultura Camponesa. Tema: Partilha de Sabores e Saberes da Agricultura Familiar Camponesa. Objetivo: promover uma feira de agricultura camponesa com alimentos orgânicos, artesanato e merendas, música com sanfoneiros. Participantes: Acampamento Zé Maria do Tomé, Agricultores/as beneficiários de tecnologias sociais assistidas por Cáritas e Brotar, demais interessados/as. Local: Praça do BNB – Limoeiro do Norte. Início: 7h40.

Manhã: Mesa Temática. Tema: Educação Popular e Movimentos Sociais. Objetivo: dialogar sobre educação popular e movimentos sociais. Nomes para compor a mesa: Lia Pinheiro (FAEC/MAIE/UECE), Regina Coele (FAEC/UECE-EFA Jaguaribana), Sandra Gadelha (FAFIDAM/MAIE/UECE) e Reginaldo Ferreira (MAIE/UECE-M21). Mediação: Ernandi Mendes (MAIE/UECE). Local: Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Limoeiro do Norte. Início: 9h30.

Tarde: Atividades nas escolas de Limoeiro do Norte e Quixeré. Tema: Diálogos sobre Questão Agrária e Justiça Ambiental na Educação Básica. Objetivo: debater a questão agrária, a problemática dos agrotóxicos e o legado de Zé Maria do Tomé nas escolas dos municípios de Limoeiro do Norte e Quixeré. Coletivos responsáveis: Lecampo, Maie, Naterra, Tramas, Neabi, EFA Jaguaribana, Resistência na Educação, Cáritas e MST. Local: Escolas Públicas Municipais de Limoeiro do Norte e Quixeré. Início às 13h00.

Noite: Mesa de Abertura. Tema da mesa: Zé Maria do Tomé vive! A luta continua e a r-existência se faz vida! Objetivo: resgatar o legado de Zé Maria do Tomé, refletindo sobre os 10 de anos de sua partida e a impunidade do caso. Abertura com mística do MST. Nomes para compor a mesa: Márcia Xavier (Tomé), Maria do Socorro (Tomé), Padre Júnior (Diocese), Raquel Rigotto (Tramas), Maria de Jesus (MST), Bernadete Freitas (UFPI), Cláudio Silva (Renap), Hidelbrando Soares (UECE). Mediação: Rameres Régis (Fafidam). Local: Auditório da Fafidam. Início: 18h50. 

Dia 23 (quinta-feira): Manhã: Ato político em Limoeiro do Norte. Tema: Mobilização política na luta por direitos, por justiça no caso Zé Maria do Tomé e em defesa dos acampamentos sem-terra e ocupações sem-teto do Vale do Jaguaribe. Objetivo: fortalecer as lutas dos movimentos sociais e povos do campo e da cidade do Vale do Jaguaribe, por meio de um ato político em Limoeiro do Norte. Coletivos, grupos e organizações: M21, MST, CPT, MAB, OPA, Cáritas, EFA Jaguaribana, CPP, Acampamento Zé Maria, Assentamento São Miguel, Ocupação Cidade Alta, Ocupação Bairro do Chico, Comunidade Quilombola do Cumbe, Comunidade Lagoa dos Cavalos, Comunidades do Baixo Jaguaribe, Sindicatos Rurais etc. Local: Limoeiro do Norte. Concentração: 07h40

Tarde: Vivência em território camponês. Tema: Essa luta é nossa, essa luta é do povo - Acampamento Zé Maria do Tomé resiste! Objetivos: discutir a situação legal do Acampamento, ouvindo acampados/as, movimentos, organizações parceiras e órgãos do Estado; fortalecer a luta e resistência do Acampamento Zé Maria do Tomé, através de partilha de almoço coletivo, visita aos quintais produtivos, reflexão sobre os seis anos do Acampamento etc. Representações: acampados e acampadas, Secretaria de Direitos Humanos do Ceará, Comissão de Deputados Federais, MST, Fafidam, Cáritas, Renap, Dnocs, Ministério Público, SDA, Incra etc. Local: Acampamento Zé Maria do Tomé. Horários: 12h00 – almoço / 14h00 – debate

Noite: Mesa Temática. Tema: Em defesa da vida, contra o uso de agrotóxicos. Objetivo: debater a problemática dos agrotóxicos, focando nos agravos à saúde humana e ambiental e na legislação em vigor. Nomes para compor a mesa: Representação da Fiocruz Ceará, Representação do Tramas, Representação do Mandato Renato Roseno, Representação do CEREST, Representação das comunidades da Chapada do Apodi. Local: Auditório da Fafidam. Início: 18h50.

Dia 24 (sexta-feira): Manhã: II Encontro de Agricultores/as Experimentadores/as do Vale do Jaguaribe. Tema: Caminhos para o Bem-Viver no Semiárido. Objetivo: realizar o II Encontro de Agricultores/as Experimentadores/as do Vale do Jaguaribe, com visitas e partilhas nas casas e nos quintais produtivos de agricultoras e agricultores da Chapada do Apodi. Organização: Fórum de Convivência com o Semiárido do Vale do Jaguaribe, EFA Jaguaribana e Cáritas Diocesana de Limoeiro. Local: Comunidades da Chapada do Apodi, Tabuleiro do Norte. Início: 7h30.

Tarde: Articulação da Rede de Intercâmbio de Sementes. Tema: Sementes da Vida no Vale do Jaguaribe. Objetivo: realizar o encontro da articulação da Rede de Intercâmbio de Sementes (RIS) e debater sobre a importância das casas de sementes. Representações: Rede de Intercâmbio de Sementes, Fórum de Convivência com o Semiárido, EFA Jaguaribana e Cáritas Diocesana de Limoeiro. Local: Escola Família Agrícola Jaguaribana Zé Maria do Tomé. Horários: 12h00 – almoço / 13h30 – debate da RIS ou trilha no Parque Ecológico dos Currais.

Noite: Programação Cultural e Encerramento da X Semana Zé Maria do Tomé. Tema: A cultura da resistência na luta por direitos. Objetivos: evidenciar expressões artísticas que trazem a cultura da resistência na luta por direitos e contra a reprodução do capital no campo. Atividades: Recital de Literatura de Cordel, Apresentação de Bumba-Meu-Boi e Maracatu, Exibição de Documentário, Banda de Música, Apresentação da Cantadores e Violeiros. Local: Praça da Igreja Matriz de Limoeiro do Norte. Início: Cortejo saindo da Fafidam às 18h30 até a Praça da Matriz.

 

 

Fonte: TV Jaguar/ ASCOM

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também