TV Jaguar

Postado em 16/05/2017 às 18:00:00

compartilhar

Realizada 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres em Limoeiro do Norte

Realizada 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres em Limoeiro do Norte
Fotos: Renato Freire

A Prefeitura Municipal de Limoeiro do Norte por meio da Secretaria de Saúde em ação conjunta com o Conselho Municipal de Saúde realizou nesta terça-feira, 16, no Centro Vocacional Tecnológico (CVT) a 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres.

O evento contou com uma palestra ministrada pela professora da Universidade Estadual do Ceará, Lourdes Vicente, abordando o tema “Saúde das Mulheres: desafios para a integralidade com equidade”.

A Conferência Municipal tem a finalidade de ressaltar a importância do papel da mulher na sociedade dos seus avanços nas esferas, econômica, política e social, ampliando e conquistando seus direitos.

Na ocasião foram discutidos quatro eixos temáticos referentes às políticas públicas sobre a saúde da mulher: O papel do Estado no desenvolvimento socioeconômico e ambiental e seus reflexos na vida e na saúde das mulheres; O mundo do trabalho e suas consequências na vida e na saúde das mulheres; Vulnerabilidades e equidade na vida e na saúde das mulheres; e Políticas públicas para as mulheres e a participação social.

O diretor do Hospital Regional de Limoeiro do Norte, Ielano Vasconcelos ressaltou a importância das conferências para o debate da sociedade. “As conferências são espaços criados para a discussão entre os profissionais de saúde e a população e esse trata da saúde da mulher que tem suas características específicas e essa finalidade das conferências vieram com a Constituição de 88 a partir da criação do SUS, então criou-se os ambientes de discussão para que as políticas públicas fossem debatidas com a comunidade. É um momento muito importante porque daqui saem ideias que podem se transformar em políticas para o município de Limoeiro do Norte,” declara Ielano.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Nacélio Alves destacou a relevância dos movimentos sociais para a valorização da mulher no cenário econômico, político e social. “Esse tema vem de uma luta dos movimentos sociais na última conferência nacional de saúde onde foi deliberado realizar essa conferência nos municípios e nos estados para que fortaleça o movimento feminino para garantir a política do SUS com equidade para as mulheres. A participação social, democrática que as mulheres terão, garantindo o direito a voz para construir uma política de forma mais específica para a saúde da mulher".

“É importante que nesse momento tanto a sociedade como os próprios usuários de um modo geral participem desse momento de discussão e elaboração de políticas públicas voltadas para as mulheres. A questão da vulnerabilidade a saúde da mulher ela é muito gritante, a partir do momento que nós ainda temos indicadores que mostram de uma forma tão presente doenças como a AIDS que provocam câncer. Então, o que está faltando porque nós em pleno século XXI nos deparamos com essas situações, porque com certeza não está efetivado de fato e de direito políticas públicas para garantir esse direito à vida da mulher,” salientou a assessora da Secretaria de Saúde de Morada Nova, Sandra Bessa.

A Conselheira Municipal e Estadual de Saúde, Arnete Borges evidenciou a importância da conferência para o avanço das políticas públicas da saúde da mulher. “Nós tínhamos que ultrapassar essa barreira financeira a qual se dizia que os municípios não teriam dinheiro. Então como conselheira estadual nós utilizamos o papel orientador do conselho nacional para estudar a nossa realidade e percebemos que nós teríamos que enaltecer o município, nós tínhamos que fortalecer a política desde o começo, portanto a conferência foi a melhor maneira para debater sobre a saúde da mulher,” afirma.

 

 

Fonte: TV Jaguar/ Jana Soares

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também