TV Jaguar

Postado em 06/11/2018 às 16:00:00

compartilhar

Três alunos tabuleirenses do IFCE campus Tabuleiro do Norte, e uma professora, representam o Ceará na Conferência da Terra 2018 do dia 6 a 10 deste mês, em João Pessoa(PB).

Três alunos tabuleirenses do IFCE campus Tabuleiro do Norte, e uma professora, representam o Ceará na Conferência da Terra 2018 do dia 6 a 10 deste mês, em João Pessoa(PB).
Estudante Juliano Costa vai apresentar trabalho sobre a qualidade da água do rio Jaguaribe.

Três estudantes tabuleirenses e uma docente estão representando o Instituto Federal do Ceará (IFCE), campus Tabuleiro do Norte, na Conferência da Terra 2018, que acontece, a partir de hoje (6) até o dia 10 deste mês, em João Pessoa(PB). Com uma vasta programação, o evento, sediado na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), discute os impactos das atividades humanas no planeta, em especial a agricultura e a indústria, bem como a degradação da biodiversidade. O estudante Felipe Gondim Maciel, do 2º ano do curso integrado em Manutenção Automotiva, foi selecionado para apresentar o trabalho "Ocupação desordenada e contaminação da sub-bacia do Baixo Jaguaribe".

A pesquisa tem como objeto o rio Jaguaribe, principal manancial da cidade de Tabuleiro do Norte. "Eu vou mostrar o resultado da ocupação desordenada. O teor de óleos e graxas pode afetar o rio Jaguaribe, assim como os pesticidas utilizados na agricultura. A Conferência da Terra é voltada para a sustentabilidade. As pesquisas, aqui, têm o objetivo de sensibilizar as pessoas", destaca o estudante.

Outro trabalho que também será apresentado no evento é do estudante Juliano da Costa Fernandes (foto), do 2 º ano do curso integrado em Manutenção Automotiva. Em "Avaliação da qualidade ambiental da água do Rio Jaguaribe", o aluno do campus Tabuleiro do Norte apresenta os resultados iniciais de monitoramento da qualidade de água do rio, responsável por suprir a demanda por água local. "A gente fez a coleta no rio e verificou parâmetros para saber se a água estava adequada para uso. A gente já observou alterações básicas", adiantou Juliano.

Além desses dois trabalhos, serão apresentados na Conferência da Terra 2018 os resultados da pesquisa "Identificação dos pontos de poluição do riacho Tabuleiro, na cidade de Tabuleiro do Norte", da professora Joceli Noronha, e "Diagnóstico dos resíduos sólidos gerados no Instituto Federal do Ceará, campus Tabuleiro do Norte, como instrumento para elaboração de um plano de gestão na unidade", de Amanda Helen de Souza Costa, aluna do 2 º ano do curso integrado em Manutenção Automotiva.

SAIBA MAIS
Conferência da Terra 2018
6 a 10 de novembro
Acesse: aconferenciadaterra.com

 

 

Fonte: TV Jaguar/ IFCE

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também