TV Jaguar

Postado em 13/12/2018 às 10:00:00

compartilhar

Alto Santo está entre os 40 municípios cearenses em situação de alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya.

Alto Santo está entre os 40 municípios cearenses  em situação de alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya.
Foto: Divulgação

O Estado do Ceará tem 40 cidades em situação de alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya, segundo um levantamento divulgado pelo Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (12). Canindé, Chorozinho e Viçosa do Ceará estão em situação de risco de surto, enquanto que Fortaleza aparece em situação satisfatória.

De acordo com o estudo, 37 municípios se encontram em estado de alerta para as doenças. São eles: Acarape, Acopiara, Alto Santo, Aracoiaba, Araripe, Assaré, Baturité, Boa Viagem, Campos Sales, Cariré, Caririaçu, Caucaia, Coreaú, Farias Brito, Horizonte, Ibicuitinga, Ipú, Itaitinga, Itapagé, Itapipoca, Itatira, Jaguaretama, Maranguape, Milhã, Mucambo, Nova Olinda, Pacatuba, Palmácia, Parambu, Quixadá, Quixeramobim, São Luís do Curu, Senador Pompeu, Senador Sá, Tejuçuoca, Umari e Uruburetama.

No Ceará, a maior parte dos criadouros foi encontrada em depósito de água (860), seguida de depósitos domiciliares (290) e lixo (37). Nordeste Fortaleza é uma das cinco capitais do Nordeste consideradas em situação satisfatória, ao lado de Maceió, Aracaju, Teresina e João Pessoa. Já Salvador, Recife e São Luiz estão em estado de alerta para a manifestação das arboviroses. O levantamento em Natal foi feito por armadilha, metodologia utilizada quando a infestação do mosquito é muito baixa ou inexistente.

 

 

Fonte: TV Jaguar / Diário do Nordeste

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também