TV Jaguar

Postado em 13/03/2019 às 12:30:00

compartilhar

Em primeira reunião da Comissão de Recursos Hídricos, Deputado Nelinho destaca situação de piscicultores em Jaguaribara

Em primeira reunião da Comissão de Recursos Hídricos, Deputado Nelinho destaca situação de piscicultores em Jaguaribara

Durante a primeira reunião da Comissão de Desenvolvimento Regional, Recursos Hídricos, Minas e Pesca da Assembleia Legislativa do Ceará (AL), realizada na manhã de hoje (13), o Presidente da mesa, Deputado Nelinho (PSDB), reforçou a necessidade do Governo do Estado em atender as demandas dos piscicultores de Jaguaribara após a morte de 1,5 milhões de peixes no açude Castanhão.

A situação vivida pelos piscicultores foi destaque no jornal Diário do Nordeste na última terça-feira (12), que relatou o fim da piscicultura intensiva nos dois maiores açudes do Ceará (Castanhão e Orós). O motivo, segundo a publicação, seria o baixo volume dos reservatórios. Ele destacou que a população de Jaguaribara tira sua principal renda da criação de peixes. “Na construção do Castanhão foi prometido não só a criação de peixe, mas também a fruticultura, a bovinocultura pra questão do leite, isso não foi realizado, então hoje aqueles ribeirinhos vivem diretamente da criação do peixe”, destacou.

O Deputado informou que a titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Aquicultura e Pesca de Jaguaribara, Lívia Barreto, juntamente com as associações de piscicultores, solicitou ao Governo do Estado algumas demandas emergências para o atendimento às 200 famílias que dependiam da piscicultura para geração de renda. Entre as solicitações estão o fornecimento de cestas básicas e uma ajuda financeira temporária, até que os piscicultores se organizem em outra atividade produtiva.

“Inclusive ontem (12) eu protocolei um requerimento ao Governo para que atenda essas duas demandas que eu acho de bastante importância, tendo em vista que são 200 famílias que não tem um rumo”, sinalizou.
Após a reunião, o Deputado informou que irá continuar acompanhando a situação da piscicultura no Estado e que pretende realizar audiências públicas para tratar dos rumos da atividade junto com a população.

 

 

Fonte: Tv Jaguar / ASCOM

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também