TV Jaguar

Postado em 10/04/2019 às 07:00:00

compartilhar

O drama dos Moradores das comunidades de Espinho e região do Bixopá na travessia diária sobre o rio Banabuiú

O drama dos Moradores das comunidades de Espinho e região do Bixopá na travessia diária sobre o rio Banabuiú

Após um longo período de estiagem, enfrentada pelos cearenses, o mesmo vivenciada por moradores da região do Vale do Jaguaribe, mais precisamente na cidade de Limoeiro do Norte interior do estado do Ceará, moradores de comunidades populosas do referido município, vivem o drama já bem conhecido de todos, que é a falta de condição de ir e vir, em períodos chuvosos, pois com a chegada tão esperada das chuvas, que devolve o sorriso fácil do sertanejo, porém traz consigo velhos problemas, como a necessidade de deslocamento feito por meio de canoa, tanto dos habitantes da comunidade de Espinho, comunidade mais próxima do rio Banabuiú, onde é feita a travessia, como os da região do distrito do Bixopá e adjacências.

Segundo relatos dos moradores, além da condição que eles diariamente têm que enfrentar, vem ainda o custo de cada passagem, algo em torno de R$ 2,00, por cada pessoa, sendo cobrado também o mesmo valor, para no caso de o passageiro ser condutor de uma motocicleta. Ainda segundo relatos de passageiros da canoa, quando é preciso resolver algo no centro do município de Limoeiro, se não resolver em um só dia, aí o gasto é dobrado para o retorno em uma outra data.

Algumas pessoas que trabalham na sede do município, não fazem o deslocamento diário, por causa dos valores a serem pagos, em ir ao trabalho cedo da manhã, horário de almoço e retorno como a ida para casa ao final do expediente. Tendo assim que procurar algum amigo ou parente para ficar a semana inteira, para ir uma só vez por semana a sua residência de origem pela situação financeira que se torna inviável se tivesse que se deslocar diariamente por meio da canoa.

 

 

 

Fonte: Tv Jaguar / Jucelino Castro

Comentários 0

Para comentar o internauta precisa está cadastrado e logado.

LOGAR CADASTRAR

“Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.”

Veja também